Coluna no lugar – Quiropraxia

Especialista em Coluna Vertebral, Doutor Fabio Corsini Motta orienta taxistas a posicionar a coluna de maneira correta ao volante.Dor nas costas e no Pescoço do Motorista.

Trabalhando sentados na mesma posição durante longas horas, os taxistas estão mais vulneráveis a sentirem dores nas costas. Para garantir a saúde da coluna vertebral, é necessário cautela com a base de sustentação do corpo.

Para esclarecer melhor como funciona a coluna vertebral e orientar sobre as técnicas de

tratamentos indicadas, assim como a Quiropraxia, a Folha do Motorista entrevistou o Quiropraxista Doutor Fabio Corsini Motta,  especialista no assunto.

FM – O que é a quiropraxia e como surgiu?

Fabio Corsini – A Quiropraxia é uma profissão primária na área da saúde, reconhecida e incentivada pela Organização Mundial de Saúde (OMS), que se dedica ao diagnóstico, trata-

mento e prevenção de dores e outras alterações  do  sistema  neuro-músculo-esquelético, ou seja, tratamento de articulações, músculos, tendões, nervos e uma abordagem apurada na coluna vertebral.

FM – Para que serve, quais problemas podem ser tratados com a Quiropraxia?

Fabio Corsini – A Quiropraxia trata ou ameniza sintomas / problemas como: dor na coluna vertebral, hérnia de disco, escoliose, ciatalgia (dor ciática), dor de cabeça, dor e tensão muscular, perda de força muscular, adormecimento em braço ou perna, problemas em ombro, cotovelo, punho, mão, quadril, tornozelo, pé, alteração postural e as restrições à movimentação. Ajuda também em casos de cólica menstrual e bronquite asmática, entre outras alterações.

Quanto mais longo o período de tempo entre a lesão e o início do tratamento pelo quiropraxista, mais difícil e mais tempo levará para a correção.

FM – No caso dos taxistas, quais vantagens de realizar sessões de Quiropraxia?

Fabio Corsini – O motorista fica diversas horas sentadas, alterando todas as curvas anatômicas da coluna vertebral e com isso causando estresse em diversas estruturas e consequentemente Dor. As vantagens são: melhor alinhamento das vertebras e com isso evita dor, hérnia de disco, peso no corpo e outras alterações; Melhor movimentação do corpo, eliminando a sensação de se sentir travado, encurtado e duro; melhora a curvatura do pescoço, e com isso evita dor de cabeça; Melhora a disposição e vigor, uma vez que a pessoa se sente bem; Melhora a Imunidade do corpo, uma vez que a coluna tem um bom movimento e com isso a o líquido encéfalo-raquidiano circula melhor pela medula espinhal, entre outras…

FM – Há efeitos colaterais? Quais?

Fabio Corsini – Os efeitos colaterais são mínimos, e a maioria das pessoas refere um alívio imediato ao tratamento e poucos relatam incômodo ou um dolorido após, sendo que depende da condição do paciente e seu estado geral de saúde.

FM – Quais as orientações para esses profissionais minimizar os efeitos de dores nas costas durante o trabalho?

Fabio Corsini – Não permanecer muito tempo sentado, beber água, alongar-se, manter uma boa postura ao volante, evitar movimentos bruscos, não dormir no banco do carro, e caso sinta o incômodo por mais de 24 horas procure um Quiropraxista.

FM – Por que a quiropraxia é pouco divulgada?

Fabio Corsini – A Faculdade de Quiropraxia é Norte Americana e é nova no Brasil, e com isso são poucos os profissionais formados, mas é considerada uma das profissões na área da saúde que mais cresce.

FM – O tratamento inclui medicamentos?

Fabio Corsini – O Quiropraxista efetua todos os procedimentos através de ajustes articulares ou manipulação articular feito com as mãos ou com auxílio de alguns equipamentos próprios, sem uso de medicação ou procedimentos invasivos (como agulhas) ao organismo.

FM – Quais as orientações para manter a postura correta ao volante?

Fabio Corsini – O motorista deve-se sentar com o quadril bem próximo ao encosto, e o encosto deve estar ligeiramente para trás, mas de uma forma com que as costas encostem o máximo no encosto do banco.

*Dica: Com uma toalha pequena de mão, faça um “rolinho,” e este encaixe entre o encosto do banco e a região baixa das costas (lombar), na altura do umbigo, ajudando a preencher o espaço, e com isso não estressando a região de maior incidência de hérnia de disco.

FM – Qual a diferença entre fisioterapia e quiropraxia?

Fabio Corsini – A Quiropraxia sendo uma profissão primária na área da saúde, diagnostica, trata e previne diversas alterações em nosso corpo e com isso não há necessidade de procurar diversos profissionais da saúde, economizando tempo, dinheiro e mantendo-se saudável. Muitas vezes, o quiropraxista complementa o tratamento de quiropraxia ou quiroprático com exercícios físicos, alongamentos, reeducação postural e orientação nutricional, pois em certos casos, o paciente precisa reaprender a andar. A quiropraxia não lembra as massagens convencionais, sessões de acupuntura ou exercícios de Reeducação Postural Global (RPG). A quiropraxia visa ao mesmo tempo esses resultados, através da manipulação /ajuste articular. Outra diferença é que a duração do tratamento de quiropraxia ou quiroprático é menor.

FM – Quais as contraindicações?

Fabio Corsini – As principais contraindicações são: Fraturas ósseas, rompimento de ligamentos ou frouxidão ligamentar, câncer ósseo ou metástase, alguns tipos de trombose, aneurisma cerebral. Lembrando que sempre deve ser feita uma análise antes de qualquer procedimento da Quiropraxia.

FM -O que esperar no pós-sessão?

Fabio Corsini – Após o ajuste vertebral, além do alivio dos sintomas, como a dor, perda de movimento, perda de sensibilidade ou até a radiculopatia, também é comum sentir uma paz profunda e uma sensação de relaxamento que poderá durar dia todo ou semana, melhorando ainda a qualidade do sono, sendo mais profundo e revitalizado. Muitos pacientes relatam sensação de relaxamento assim como uma sensação de mais disposição e energia no dia-a-dia. Alguns casos não apresentam essas manifestações, mas isto não significa que não estejam recebendo todos os benefícios dos ajustes, simplesmente não estão sentindo as reações externas da Quiropraxia.

Cuidados quiropráticos levam algum tempo para corrigir a coluna, dependendo do estágio da alteração da pessoa e sua adesão ao tratamento e orientações.

Devemos lembrar que levou tempo para o corpo atingir certo grau de degeneração, então é normal e compreensivo esperar um determinado tempo para sua recuperação.

Mais informações sobre o tema no site

https://quiropraxiaclinica.wordpress.com                                     ,

pelo e-mail: fabio.ipq@gmail.com ou pelo telefone  011-99466-22260

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s